Energia eólica, por que não?

Sempre me perguntei por que o Brasil não aproveita melhor o seu potencial eólico.

gerador eólico l imagem: wikipedia
aerogerador l imagem: wikipedia

Segundo o CPTEC (Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos), mais de 71 mil km² do território brasileiro, praticamente todos localizados na costa do Nordeste, contam com velocidades de vento superiores a 7 m/s.
Essa velocidade gera um potencial eólico da ordem de 272 terawatts-hora por ano (TWh/ano) de energia elétrica, se levarmos em conta que o consumo nacional de energia elétrica é de 424 TWh/ano, estamos falando de mais da metade da nossa demanda por eletricidade.

mapa de ventos l imagem: passeiweb
mapa de ventos l imagem: passeiweb

Praticamente toda a energia renovável no Brasil é proveniente da geração de hidroeletricidade e enquanto exploramos menos de 1% de nossa energia eólica, países como Alemanha, Espanha e Noruega utilizam por volta de 10%.
Os locais mais propícios no país para a exploração da energia eólica estão no Nordeste, principalmente na costa do Ceará e do Rio Grande do Norte, e na região Sul.

Além de ser uma fonte de energia limpa, por não acarretar a emissão de gases do efeito estufa, a energia eólica também demonstra potencial para atender à segurança do fornecimento energético no país.

Fonte: Inovação tecnológica

Deixe uma resposta