Novas construtoras limpas

Finalmente as construtoras brasileiras estão se dando conta de sua responsabilidade frente aos resíduos gerados em suas obras.

Pesquisa da Abrelpe (Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais) mostra que cerca de 50% dos resíduos sólidos gerados no Brasil vêm da construção civil.

Segundo os dados, no ano passado 5.564 municípios fizeram coleta de aproximados 31 milhões de toneladas de Resíduos de Construção e Demolição (RCD).
O estudo revela também que parte deste entulho não recebe destino correto e vai para locais em que podem causar problemas ao meio ambiente.

Bons exemplos

Por meio do projeto Produção Mais Limpa e Sustentável com Resíduo Zero, a construtora goiana Pontal Engenharia reaproveita os resíduos da construção de suas obras.
A empresa quer eliminar a caçamba de entulhos, promover soluções contra o desperdício e danos ambientais e também pretende incrementar o uso do aterro sanitário de Goiânia.

Na verdade, o comprometimento em relação aos resíduos gerados em obra deve começar desde o seu planejamento, de modo a minimizar sua geração.
Além disso, a reutilização de muitos itens que seriam descartados também é uma ação fundamental e, por fim, a separação para reciclagem, antes do descarte final, nunca deve ser desprezada.

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

Deixe uma resposta